Comércio exterior e Comércio internacional: qual a diferença?

Você sabe a diferença entre esses dois tipos de comércio?

Ao entrar no curso de Relações Internacionais, sempre me fazia essa pergunta, visto que muitas pessoas utilizam esses termos como sinônimos.

Todavia, eles não são iguais, mas sim, se completam.

Com isso, no texto de hoje, o Boletim vai discorrer sobre o Comércio Exterior, o Comércio Internacional e suas diferenças.

Se interessou pelo assunto? Continue lendo!

Entenda a diferença entre comércio exterior e comércio internacional

As principais diferenças entre OS DOIS COMÉRCIOS

Primeiramente, é importante compreender de forma clara o que significa “comércio”. Sendo assim, para entender o seu significado é preciso analisar a história.

Dessa forma, o comércio ao redor do mundo existe desde o início da humanidade, quando os povos passaram a trocar bens e artefatos de acordo com suas necessidades.

Com isso, para facilitar essas trocas e também para firmar uma certa equivalência de valor entre os produtos, os povos criaram os mais diferentes tipos de moedas de trocas, como o ouro e o sal.

Logo, o comércio é esse ato de troca de mercadorias entre povos.

Entretanto, existem diferentes formas de realizar essas trocas. Duas delas são muito importantes para a economia e, principalmente, a economia internacional.

Comércio Internacional
Learn Introduction and Classification of Commerce in 3 minutes.

Comércio Internacional são as operações comerciais entre países que estão em pleno desenvolvimento e é um dos responsáveis pela economia de um país.

Em vista disso, ele surgiu pois cada país tem suas peculiaridades, e não seria tão fácil promover acordos contendo tantas diferenças. 

Dessa forma, são leis e normas aplicadas a produtos e serviços e até a movimentos de capital.

Em vista disso, essas regras são feitas por meio de acordos entre os países e blocos econômicos.

Mas também, pode ocorrer por intervenção de órgãos internacionais confiáveis e bem conhecidos como por exemplo a OMC e a OCDE. Ou outros menos conhecidos, como a CCI (Câmara de Comércio Internacional).

Você pode ler mais sobre isso no botão abaixo!

Sendo assim, ele gera um aumento das barreiras internacionais que ajudam a proteger os projetos de empresas locais.

Comércio Exterior
Law GIFs | Tenor

O Comércio Exterior por outro lado, se trata de leis e regras específicas de cada país, que condicionam e favorecem o comércio internacional.

Para mais, ele também lida com a regularização dos produtos que são importados e exportados.

Além disso, lida com os questões legislativas, administrativas, tributárias e aduaneiras para o cumprimento desses processos.

Deste modo, alguns dos principais órgãos que controlam o Comércio Exterior no Brasil são o MDIC (Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior) e o SISCOMEX (Sistema Integrado do Comércio Exterior).

Com isso, um dos benefícios gerados pelo Comércio Exterior é a ampliação dos mercados consumidores.

Por que é importante diferenciar esses dois tipos de comércio?

Triângulo do comércio entre países.

Antes de mais nada, essa diferenciação é importante para quem atuam nessa área.

Isso, pois um acordo ruim acerca desses conceitos pode causar conflitos, um ponto negativo para quem está tentando ingressar na carreira.

Ademais, é importante ressaltar que embora os dois definam operações que envolvem a venda e a compra de bens e serviços entre países, essas áreas se distinguem.

Dessa forma, é essencial conhecer ambas as áreas e suas diferenças. Ainda mais se você for gestor de uma empresa que pretende realizar operações com todo o mundo.

E aí, entendeu as principais diferenças entre esses dois termos?

Deixe sua opinião nos comentários e envie esse texto para um amigo!

Total
0
Shares
Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Post Anterior

10 conceitos básicos sobre economia que você precisa saber

Proximo Post

5 melhores filmes para entender economia

Talvez você goste